Publicidade

Patrocínio

Publicidade
Publicidade Publicidade Publicidade
Mundo do Marketing Inteligência

Reportagens

Profissional em início de carreira ganha até R$ 6 mil

Pesquisa da Page Personnel levanta os salários da baixa gerência em Marketing

Por | 23/06/2009

pauta@mundodomarketing.com.br

Compartilhe

A baixa gerência em Marketing das empresas brasileiras possuem salário de 2 a 6 mil reais em média, aponta uma pesquisa da Page Personnel, empresa do grupo Michael Page, obtida com exclusividade pelo Mundo do Marketing. Foram levados em consideração os níveis Analista Júnior, Analista Pleno, Analista Sênior, Supervisão e Gerente Júnior, preteridos em outros levantamentos do tipo no mercado que analisam a média. É a primeira vez que a Page Personnel realiza o estudo, que terá edições anuais.

O nível mais baixo, Júnior, possui salários que variam entre R$ 1.800 e R$ 3.200. Já entre os profissionais de Gerência Júnior, cargo mais alto entre os profissionais de suporte à gestão superior, a variação é entre R$ 5.000 e R$ 6.500.

Entre as empresas de Bens de Consumo, as áreas de Inteligência e Categoria possuem os salários mais altos (R$ 2.500, em Júnior, até R$ 6.500, em Gerência Júnior). Já nas de Indústria, saem na frente Mercado e Desenvolvimento (R$ 2.500 a R$ 6.500), enquanto Inteligência é a com os melhores salários entre as empresas de Serviços.

Bens de Consumo - Empresas de grande porte

A pesquisa separou as empresas em três categorias: Bens de Consumo, Indústria e Serviços. Em cada uma, foram avaliadas separadamente as empresas de grande porte e de pequeno/médio porte. Esse estudo foi elaborado a partir de dados obtidos por consultores da Page Personnel durante o ano de 2008 e início de 2009, considerando informações de mercado, de candidatos e de clientes, em todo o Brasil.

Bens de Consumo - Empresas de pequeno/médio porte

Salários estão estagnados por conta da crise
Não há grandes variações salariais entre cargos da mesma área e nível entre as empresas das diferentes categorias, mas pode ser percebida uma diferença entre aquelas de grande porte em relação às pequenas e médias, que pagam algumas centenas de reais a menos. A pesquisa levou em consideração também a área de Vendas, que empregaria mais profissionais por conta da falta de estruturas de Marketing em outras cidades fora de São Paulo, onde ficam centralizadas as equipes de Marketing. 

O estudo não leva em consideração bônus ou benefícios, como previdência privada, seguro de vida, assistência médica e odontológica, auxílio estudo, entre outros. "As empresas disputam os mesmos profissionais, por isso a variação de salários não é tão grande. Há até empresas de pequeno porte que possuem uma estratégia agressiva para atrair bons executivos, mas são exceções", afirma Rafael Vanselow, Gerente Executivo da Page Personnel, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Apesar de não haver um estudo anterior comparativo, já que se trata da primeira edição, Vanselow percebe que os salários não têm crescido nos últimos 12 meses, por conta da crise econômica. Haveria uma estagnação. Em compensação, ele afirma que o profissional brasileiro em início de carreira é bem pago em relação àqueles no exterior, baseado em sua vivência recente nos Estados Unidos.

Mais detalhes podem ser encontrados na pesquisa completa disponível no site da Page Personnel.

Atualizado às 15h

Saiba Mais:
Diretor de Marketing pode receber R$ 1 milhão por ano

Powered by Postcron

BUSCADOR DE HASHTAGS PARA SEUS POSTS





Comentários


Acervo

Publicidade

Publicidade

Voltar ao Topo

Copyright © 2006-2018.

Todos os direitos reservados.

Assine o Mundo do Marketing Inteligência

Copyright © 2006-2018. Todos os direitos reservados. Todo o conteúdo veiculado é de propriedade do portal www.mundodomarketing.com.br. É vetada a sua reprodução, total ou parcial sem a expressa autorização da administradora do portal.

Auditado por: Metricas Boss